terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Lixos cobrem fundo dos oceanos

 
Lixos cobrem fundo dos oceanos 
Não há registros do volume e dos tipos de materiais derramados nos oceanos.
No entanto, estima-se que em 1968, 38 milhões de toneladas de material escavado, 4,5 milhões de toneladas de resíduos industriais, lodo de esgoto 4,5 milhões, 100 milhões de toneladas de petróleo à base de produtos (plástico), 2-4 toneladas de resíduos químicos, mais de 1 milhão de toneladas de metais pesados foram liberados no oceano.
Que mostra os arquivos dos EUA. Entre 1946 e 1970 mais de 55.000 contêineres de resíduos radioactivos foram jogados em três locais do Oceano Pacífico. Além disso, 34.000 toneladas de resíduos radioativos foram dispostos em aterros na costa leste dos EUA entre 1951 e 1962.
Referências: Epa - Agência Ambiental dos Estados Unidos - Fort Lauderdale Flórida.
Via Antonio Costa

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Советские зонды, возможно, засняли живых существ на Венере

Советские зонды, возможно, засняли живых существ на Венере 
МОСКВА, 20 янв - РИА Новости. На снимках, сделанных на Венере в 1980-е годы советскими посадочными зондами, присутствуют перемещающиеся объекты, возможно, имеющие "свойства живых существ", считает главный научный сотрудник Института космических исследований РАН Леонид Ксанфомалити. 
"Обнаружены появляющиеся, изменяющиеся или исчезающие объекты заметных размеров, от дециметра до полуметра, случайное возникновение изображений которых благодаря шуму трудно объяснить", - пишет ученый в статье, опубликованной "в порядке дискуссии" журналом "Астрономический вестник". 
В 1970-е и 1980-е годы советские ученые осуществили целый ряд успешных миссий по исследованию Венеры, в ходе которых были получены первые в истории снимки ее поверхности, невидимой с Земли из-за постоянного плотного облачного покрова в атмосфере планеты. Аппараты "Венера-9" и "Венера-10" в 1975 году, а затем "Венера-13" и "Венера-14" в 1982 году получили серию телевизионных панорам Венеры с помощью сканирующих фотометрических камер оптико-механического типа. 
По словам автора статьи, толчком к новой попытке анализа прежних результатов венерианских миссий стал "обширный поток новых результатов исследований экзопланет умеренной массы, среди которых должны встречаться и тела с физическими условиями, близкими к венерианским". 
Ученый напоминает, что с 1995 года было обнаружено более 500 планет у других звезд. Поиск планет, где возможна жизнь, ведется исходя из постулата о нормальных физических условиях в "зоне жизни", то есть давлении, температуре, возможно, составе атмосферы, подобных земным. 
"Но не следует ли рассматривать такой подход как "земной шовинизм"? Иными словами, полностью ли исключается возможность того, что формы жизни могут существовать при совершенно других условиях, присущих многим экзопланетам?", - задается вопросом Ксанфомалити. 
По его мнению, не следует полностью исключать возможность существования жизни при относительно высоких температурах, несмотря на то, что экспериментальных данных такого рода пока нет. 
В своей статье ученый проанализировал снимки с "Венеры-13" и "Венеры-14", наибольшее его внимание привлекли девять панорам с "Венеры-13", переданные 1 марта 1982 года в течение двух часов шести минут. На этих панорамах Ксанфомалити обнаружил несколько объектов, которые появляются и исчезают на сериях последовательных снимков. 
 Л.В. Ксанфомалити / "Астрономический вестник"
"Скорпион" на снимке с "Венеры-13" 
В их числе - "диск", изменяющий свою форму, "черный лоскут" появившийся на первом снимке у конуса для измерения механических свойств грунта, и исчезнувший потом, а также "скорпион", по своей структуре напоминающий крупных земных паукообразных или насекомых. 
В частности, "скорпион" появился около 90-й минуты с момента включения камер, а через 26 минут он исчез, а на его месте осталась канавка в грунте. 
Согласно гипотезе Ксанфомалити, вначале посадочный модуль издавал сильный шум - отстреливались пиропатроны, работала буровая установка. Часть "обитателей" покинула опасный район, и их нет на следующих снимках, но некоторых из них (например, "скорпиона") засыпал выброшенный при посадке грунт, и они медленно выбирались из него, что объясняет полуторачасовую задержку в их появлении. 
"Не обсуждая существующие представления о невозможности жизни в условиях Венеры, сделаем смелое предположение, что морфологические признаки все же позволяют предположить, что часть найденных объектов имеет свойства живых существ", - пишет ученый. 
Он отмечает, что в его статью не включены другие аналогичные материалы, полученные при анализе данных с "Венеры-13" и других аппаратов серии "Венера", которые ученый планирует опубликовать отдельно. 
Fonte: Pravda.RU

Movimento liderado por Marina Silva lança comitê no RS

Movimento liderado por Marina Silva lança comitê no RS
 
Aproveitando a presença em Porto Alegre para participar de eventos do Fórum Social Temático 2012, a ex-senadora Marina Silva compareceu ao encontro de lançamento do comitê gaúcho do Movimento Por Uma Nova Política.
A corrente política, que pode se transformar em um partido em breve, tem na ex-PT e ex-PV uma das principais articuladoras.
O debate ocorreu no Auditório do Unificado, em Porto Alegre, e contou com a presença de nomes da política gaúcha como Montserrat Martins (ex-PV), além de líderes nacionais do Movimento Nova Política, como Ricardo Young (SP), Aspásia Camargo (RJ) e Zé Fernando Aparecido de Oliveira (MG).
Imagens: Sul21/Blog Amigos de Pelotas
Fonte: Sul21

domingo, 29 de janeiro de 2012

Google Earth se reinventa; ofrece nueva interfaz de búsqueda

Google Earth se reinventa; ofrece nueva interfaz de búsqueda
La nueva versión incorpora la opción para compartir una imagen en Google+ y mejora las irregularidades que aparecen en las fotografías, además incluye la función autocompletar.
Foto: Google Earth 
La versión 6.2 de Google Earth añade instrucciones para guiar a los usuarios que deseen ir en bicicleta, a pie o en transporte público. 
Madrid - La nueva versión de Google Earth "suaviza" el efecto mosaico que aparecía en las imágenes panorámicas, incluye una nueva interfaz de búsqueda e incorpora la posibilidad de compartir la captura de una vista en la red social Google+. 
Acesse o Blog Google, click na imagem
La compañía de Mountain View (California) indica en su blog oficial que la versión 6.2 de Google Earth mejora las irregularidades que aparecen en las imágenes como consecuencia de que las distintas instantáneas que componen el mosaico final se han tomado por satélites en distintas fechas y con diferentes condiciones climatológicas y lumínicas. 
La nueva interfaz de búsqueda incluye la función "autocompletar" y en la última versión de Google Earth también se han añadido instrucciones para guiar a los usuarios que deseen ir en bicicleta, a pie o en transporte público. 
Más en Milênio

Nasa divulga imagem da Terra com maior definição já feita

Imagem da Nasa tem 8000 x 8000 pixels. (Foto: NASA/NOAA/GSFC/Suomi NPP/VIIRS/Norman Kuring)
Nasa divulga imagem da Terra com maior definição já feita 
A Nasa (Agência Espacial Americana) divulgou nesta quarta-feira (25) uma imagem da Terra com a mais alta resolução já feita: 8000 por 8000 pixels . A foto, uma nova edição da famosa “Blue Marble” (“Bola de Gude Azul" ou "Mármore Azul", em inglês), foi captada no dia 4 de janeiro pelo satélite de observação Suomi NPP e retrata a América do Norte e América Central. Segundo a Nasa, a “Blue Marble 2012” é a “mais incrível imagem em alta definição da Terra”.
A primeira imagem do tipo foi tirada em 1972 pela Apollo 17 e destaca o continente africano e a Península Arábica. Famosa até hoje, a foto é usada como plano de fundo de produtos da Apple, como iPhones e iPads.
Veja outras imagens da Nasa no Flickr

Ambientalistas e ONGs protestam contra vazamento de petróleo no RS

Ambientalistas e ONGs protestam contra vazamento de petróleo no RS 
Manifestantes pedem punição para empresas responsáveis por acidentes. Vazamento ocorreu na última quinta-feira em Tramandaí, no litoral norte.
Ambientalistas e integrantes de várias organizações não-governamentais (ONGs) protestaram neste sábado (28) na orla de Tramandaí, no litoral norte do Rio Grande do Sul, contra o vazamento de petróleo ocorrido na quinta-feira (26).
Cerca de 1,2 milhão de litros de óleo foram derramados no mar durante uma operação de descarregamento da Transpetro. 
Os manifestantes se concentraram na plataforma de pesca de Tramandaí e fizeram uma caminhada de cerca de 3,5 quilômetros até a barra do Rio Tramandaí, em Imbé, no município vizinho. Uma bandeira do Brasil de 1,1 mil metros quadrados, com uma lacuna branca na parte verde, foi desenrolada na areia. 
Faixas e cartazes também chamaram atenção para o problema de vazamentos no litoral brasileiro. “Ele vem acontecendo há muito tempo em função do desmantelamento da gestão ambiental no Brasil e de se priorizar a exploração e o transporte de petróleo sem os necessários cuidados ambientais”, reclamou José Truda, presidente da ONG Rede Costeira Marinha. 
Enquanto os manifestantes protestavam, os veranistas ignoravam os avisos de águas impróprias para banho instaladas na beira da praia pela Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam). Várias pessoas se banharam no mar, apesar da recomendação contrária.
O órgão coletou amostras da água para elaborar um relatório de balneabilidade dos locais atingidos, cujo resultado deverá ser divulgado na próxima segunda-feira (30). 
Fonte: G1

sábado, 28 de janeiro de 2012

Marina Silva fala sobre a "nova política"

Marina Silva fala sobre 
a "nova política"
Após se afastar da política partidária, Marina vive de palestras que ministra pelo mundo. Ouça os vídeos e veja a lucidez dela, uma verdadeira liderança política. Fiz as cenas abaixo durante sua palestra no Fórum Social Temático, que ocorre em Porto Alegre. A palestra foi na quinta, 25
A importância de procurar fazer a diferença
No meio de tantas transformações no mundo,
também a política e a economia precisam mudar
De onde surgiu o nome Nova Política? Da rua da Tripa?
Se você não discute política no intervalo
entre as eleições, não merece participar das eleições
Fonte: Blog Amigos de Pelotas

Flashes de reunião do Movimento por Nova Política

Chegada de Marina Silva ao local da reunião, no Curso Unificado
Flashes de reunião do Movimento por Nova Política 
Durante o encontro, tive a oportunidade de falar sobre a experiência de dirigir o Amigos de Pelotas. Cada um dos participantes do evento teve a mesma oportunidade. O encontro ocorreu em Porto Alegre na quarta, 25, parte dos eventos do Fórum Social Temático (FST), um desdobramento do Fórum Social Mundial. 
Foi um momento importante para nós porque o Amigos sempre expressou essa pulsão por uma nova cidade, por uma nova e avançada mentalidade cultural, por uma nova forma de fazer as coisas, enfim, por uma nova política. 
O encontro foi ótimo também porque nos permitiu alargar as possibilidades de parceria e cooperação. 
Marina Silva é um capítulo à parte. Logo vou escrever mais sobre ela, suas ideias e o que significa o movimento em curso. 
Montserrat Martins fala aos representantes dos movimentos sociais 
Durante a reunião, Marina ouviu os depoimentos de cada representante e falou ao final 
Família na platéia 
Montserrat Martins e Gisele Uequed, da organização do evento 
Da esq. à dir. : Willian Kaku, Eduardo Dias, Marina Silva, Gisele Uequed e Millos A. Stringuini 
Fonte: Blog Amigos de Pelotas

Vazamento de óleo no RS pode ter causado morte de vários animais

 
Vazamento de óleo no RS pode ter causado morte de vários animais 
Patrulha Ambiental encontrou aves, peixes e até tartaruga na beira da praia. Derramamento ocorreu a cerca de seis quilômetros da costa de Tramandaí.
Ave com manchas de óleo foram achadas na praia de Tramandaí (Foto: Adriana Franciosi/Agência RBS) 
O vazamento de petróleo no mar de Tramandaí, no litoral norte do Rio Grande do Sul, pode já estar causando impactos na fauna local. Nesta sexta-feira (27), um dia depois do acidente, a Patrulha Ambiental da Brigada Militar afirmou que encontrou peixes, aves, siris e até uma tartaruga mortos na beira da praia. 
 Vazamento ocorreu a cerca de seis quilômetros da costa de Tramandaí (Foto: Arte, RBS TV) 
Segundo as autoridades, alguns dos animais apresentavam manchas de óleo. Os animais foram encaminhados para o Centro de Estudos Costeiros, Limnológicos e Marinhos (Ceclimar) da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, em Imbé, onde laudos vão confirmar se as mortes têm ou não relação com o acidente ambiental. 
O vazamento ocorreu na quinta-feira (25), durante uma operação de descarregamento de petróleo do navio para uma monoboia da Transpetro, localizada a cerca de seis quilômetros da costa. Segundo a companhia, o volume de estimado de óleo derramado é de 1,2 mil metros cúbicos, que correspondem a cerca de 1,2 milhão de litros. 
Leia mais em G1

Justiça suspende construção de restaurante no Pontão

 Restaurante construído sobre área da Marinha, do Pontão da Barra: apesar do MP, segue lá
 Justiça suspende construção de restaurante no Pontão
Outro dia um leitor lembrava da invasão de área de Marinha, na foto abaixo, por um restaurante no Pontão da Barra. Hoje uma leitora enviou o texto abaixo (confirmado), do site do TRJS:
Segundo ela, a Justiça Federal gaúcha determinou a interrupção da obra. Uma liminar assinada pela juíza Marta Siqueira da Cunha, da 1ª Vara Federal, proíbe ainda a exploração comercial da obra.
A juíza respondeu uma ação civil pública que pede, no mérito, a demolição do prédio e a reparação do dano ambiental causado.
A construção está em terreno de Marinha (União) e Área de Preservação Permanente (APP), o que é proibido por lei.
Além da suspensão da construção, também foi fixada multa de R$ 1.500,00 por dia, em caso de continuidade da obra, exploração ou utilização da área ocupada.
Incrível que o infrator tenha ido tão longe com a obra. Sinal de que aposta, ao que parece, na lentidão da Justiça.
***
A nota anterior/Leitor anônimo registra: "Se o futuro banheiro ocupa a orla, tem os quiosques, o chalézinho em frente ao shopping, aquelas coisinhas redondas, a barra com aquela suntuosa pastelaria onde o cara é mais poderoso do que as autoridades brasileiras, inclusive o Ministério Público Federal, pois construiu aquilo e ninguém manda derrubar... tem todas aquelas construções sobre a margem da lagoa e do São Gonçalo de pessoas que se dizem pescadores mas que no final do dia vão dormir em excelentes moradias no interior do balneário e até mesmo na cidade. É uma terra de ninguém, é um vale tudo e as pessoas que recebem salário para fiscalizar isso do poder público não fazem nada além de receber seu salário". 
Fonte: Blog Amigos de Pelotas

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Dez Mentiras que Cercam o Pinheirinho

Desabrigados do Pinheirinho -- Anderson Barbosa/Fotoarena/Folhapress
Dez Mentiras que Cercam 
o Pinheirinho 
Por Hugo Albuquerque
Com a tragédia ainda em curso, e a quantidade colossal de sofismas e boatos propositalmente espalhados acerca do Pinheirinho, me dei ao trabalho de selecionar as dez piores mentiras - no sentido de superstição consciente e oportunamente utilizadas pelo Poder - que estão a pairar por aí sobre o tema. Vamos lá: 
1. "Não houve violações, a reintegração de posse foi pacífica"
Eis a pior e mais primária de todas. Vídeos aos montes, fotos aos milhares,  além de relatos emocionados de testemunhas oculares - como o nosso Tsavkko - e de moradores - dados, inclusive, para a imprensa internacional - contradizem isso. A polícia não veio para brincar, com sua tropa de choque, suas balas de borracha e sua sede por violência. Atacaram uma comunidade formada por famílias - seus velhos, suas crianças, pessoas com necessidades especiais - e quem ficou no meio do caminho apanhou. Sobre eventuais distorções da nossa imprensa, convido à leitura do que pensa sobre isso o Guardian, um dos principais jornais do mundo.
2. "A culpa é dos moradores, por serem invasores e/ou por não terem negociado"
É a tese do varão da república (do café com leite) Elio Gaspari, devidamente rebatida pelo nosso João Telésforo. Acrescentamos ainda que o Brasil possui 22 milhões de vítimas do chamado "deficit habitacional" - o eufemismo contábil que expressa a quantidade daqueles que foram largados para morrer ao relento -, o Brasil possui uma Constituição que fala em função social da propriedade privada e em dignidade da pessoa humana, o Brasil possui uma jurisprudência que não aceita a inércia da administração pública como desculpa. para não realização de políticas públicas. Outra, não estar nem aí para um contingente de milhares de pessoas - só no caso do Pinheirinho - é uma decisão política sua, portanto, assuma o risco dela, mas esperar que essa gente simplesmente tenha de sentar e esperar a morte chegar, é pedir de mais - ou mesmo aceitar um xeque qualquer e enfie o rabo entre as pernas do lugar onde ela estão estabelecidos, só para, no fim das contas, realizar o fetiche dos credores da massa falida de um mega-especulador.
 
3. "Foi um processo duro, mas cumpriu-se a letra da lei"
Nem isso. Na manhã de domingo, quando ocorreu a invasão, havia um conflito de competência entre a Justiça Estadual e a Justiça Federal, portanto não havia ordem judicial que autorizasse realmente qualquer reintegração de posse. Mesmo se houvesse, uma ordem judicial não equivale a uma carta branca da polícia para fazer nada, tampouco ignorar os direitos ou as garantias daqueles cidadãos asseguradas pelas Constituição.
4. "Os moradores estão sendo atendidos devidamente"
Os moradores do Pinheirinho, depois de perderem suas casas, estão amontoados em igrejas, ginásios ou quetais. Eles estão ao relento e identificados com uma pulseira azul - por que numa estrela azul logo de uma vez?
5. "Os policiais só cumpriram ordens"
Opa, tudo bem que militares obedecem ordens, mas isso não significa que, numa democracia, um oficial deva acatar irresponsavelmente uma ordem qualquer e executa-la da maneira que bem entende - com suscitou a secretária de justiça de São Paulo Eloisa Arruda -, do contrário, lhes seria autorizado atentar contra a ordem ("democrática"), o que seria uma hipótese absurda. É evidente que os maiores responsáveis por essa hecatombe são os senhores Geraldo Alckmin e Eduardo Cury - respectivamente governador do estado e prefeito municipal de São José dos Campos -, mas os oficiais que lideraram a missão tem sua parcela de responsabilidade nessa história sim.
 
6. "O Pinheirinho é uma espécie de Cracolândia"
"Só se for no quesito da especulação imobiliária sobrepondo-se ao direito e à dignidade das classes pobres" como diria meu amigo joseense Rodrigo dos Reis. De resto, essa analogia - como foi utilizada pela Rede Globo - só duplica a perversão verificada no apoio à política de "dor e sofrimento", aplicada na região do centro de São Paulo chamada "Cracolândia" - um grave problema de saúde pública e de moradia, tratado à base de cacetete.
7. "O governo federal é culpado por ter politizado a situação"
Como testemunhamos na nota soltada pelo PSDB para "responder" o governo federal. Bom, nem vou perguntar como alguém poderia ter politizado uma situação que é política por natureza, mas como seria possível despolitiza-la. Ainda, é curioso como se responda ao quase silêncio do governo federal culpando-o por uma ação violenta que foi executada por dois governos seus, o estadual de São Paulo e o municipal de São José dos Campos. De novo, chuto o balde aqui: faça um, dois, um milhão de pinheirinhos, mas pelo menos assuma o que fez e não se ponha como vítima, as vítimas são os desabrigados.

8. "Os moradores do Pinheirinho são envolvidos com movimentos sociais radicais" 
Membros do PSDB, como o pré-candidato paulistano Andrea Matarazzo, pensam o mesmo do correligionário Geraldo Alckmin, nem por isso alguém razoável defende que o governador seja arrancado à força do que quer que seja. No mais, o governador Alckmin ou os próceres da massa falida do Nahas na imprensa, deviam saber que vivemos numa democracia e as pessoas têm liberdade para se filiar ao grupo pacífico que bem entendem - nem na hipótese absurda de todos os moradores do Pinheirinho terem relação com o PSTU (que é como dizer que todos os moradores do bairro de Alckmin têm ligação com, p.ex. a opus dei), é fato que aquele partido jamais usou de força ou conluios no judiciário para desalojar um bairro inteiro, logo, quem é radical mesmo? 
9. "O governo federal não podia ter feito, nem pode fazer, nada"
Podia sim, tanto que estava negociando uma saída pacífica, até que veio a invasão no domingo, uma boa dose de paralisia, uma comemoração de 25 de março com tucanos de alta plumagem e uma condenação vazia no recente fórum social mundial. Dizer que o Pinheirinho é Barbárie, até eu digo, Presidenta,  agora mandar hospitais de campanha do exército fornecer ajuda humanitária aos milhares de desabrigados, nem todo mundo pode - e mesmo vale para a construção de moradias dignas para eles no curto prazo. Importante: não estou nivelando tucanos a petistas, esse caso deixa claro que os primeiros não têm coragem de assumir o que fazem, enquanto os segundos não têm coragem de fazer aquilo que assumem - são papéis inteiramente diferentes.
10. "O Pinheirinho é uma catástrofe, estamos todos derrotados, não há nada o que fazer contra essa marcha invencível"
Toda marcha desse tipo, em seu interior, admite uma Leningrado - e eu não estou chamando tucanos de fascistas em um sentido histórico não, afinal, aqueles tinham coragem  moral de assumir o que faziam, isso foi só uma metáfora que guinadas reacionárias, por sua própria natureza, trazem consigo a possibilidade de sua derrota. No demais, não existe espaço para choradeira como colocou com precisão o Bruno Cava pelo papel que o Pinheirinho está cumprindo. Digo mais, repetindo o que já digo aqui o tempo todo: a favela é o locus definitivo de resistência daqueles que foram largados para morrer ao relento, é processo de luta, portanto, sua própria existência - e sua re-existência - é positividade pura. O antropofágico Pinheirinho, mais ainda. Derrota é a resignação, é sentar-se e aceitar morrer, nada disso aconteceu. 
Fonte: Blog do Turquinho

Aurora boreal fica mais intensa por causa de forte tempestade solar

 
Aurora boreal fica mais intensa por causa de forte tempestade solar
No domingo, foi identificada a maior tempestade solar dos últimos seis anos 
Foto: AP
Aurora boreal é vista perto da cidade de Trondheim, na Noruega 
A tempestade solar transformou o céu frio do extremo norte da Terra em um show de luzes por causa da intensificação da aurora boreal. Até mesmo observadores mais experientes ficaram surpresos pela intensidade da aurora boreal que varreu o céu à noite no norte da Escandinávia, após a maior erupção solar em seis anos. 
"Foi realmente incrível", disse o astrônomo britânico John Mason do convés de um cruzeiro que opera na Noruega. "Eu vi a minha primeira auroraboreal há 40 anos, e esta é um dos melhores", disse Mason à Associated Press. 
Foto: AP
Fenômeno também é visto na cidade de Tromsoe, Noruega 
A aurora boreal é causada pelos ventos solares que carregam as partículas elétricas liberadas nas explosões solares. Ao atingirem o campo magnético da Terra, algumas particulas ficam retidas, provocando luminosidade. 
Fonte: Associated Press