segunda-feira, 19 de agosto de 2013

Vereadora do Irã é impedida de assumir mandato por ser "muito bonita"

Vereadora do Irã é impedida de assumir mandato por ser "muito bonita"
 Nina Siahkali Moradi tem 27 anos e não pode assumir seu cargo na prefeitura
Até que ponto a beleza ajuda – ou atrapalha? No caso de Nina Siahkali Moradi ela conta como ponto negativo. A candidata a vereadora no interior do Irã foi impedida de assumir o cargo por ser “bonita demais”, de acordo com informações da imprensa local.
Nina, de 27 anos, foi candidata em Qazvin, cidade localizada ao norte do país. Ela teve 10 mil votos na eleição, que aconteceu junto com a presidencial no último mês de junho, e terminou em 14º lugar dos 163 candidatos que concorreram. Isso lhe daria a primeira cadeira de suplente do conselho. Com a desistência do primeiro colocado, Moradi entrou na lista dos vencedores.
No entanto, Nina teve sua ida à prefeitura impedida pela ala conservadora. O motivo? “Não queremos modelos de passarela aqui”, teria afirmado o líder do conselho. Todos os votos de Nina foram anulados.
Os adversários de Nina já a haviam acusado de atrair comportamentos incompatíveis com valores islâmicos. A candidata conquistou apoio ao defender direitos da mulher e incentivos culturais. O slogan da sua campanha era: "Jovens ideias para um novo futuro".
O incidente contraria esforços do novo presidente iraniano, Hasan Rowhani, que acaba de nomear uma vice-presidente como parte da promessa de promover direitos da mulher. 

Nenhum comentário: