sexta-feira, 31 de julho de 2009

Município com maior exportação de soja no Brasil é o mais pobre e miserável também

Município do Tocantins lidera ranking de soja e de pobreza
Aditivado por projeto controverso que enriquece fazendeiros e transnacionais, Campos Lindos (TO) é líder estadual de produção de soja. Localidade tem a maior proporção de pobres de todo o país, segundo pesquisa do IBGE

Por Maurício Hashizume*
A propaganda do agronegócio associa a expansão acelerada da soja à prosperidade. Os problemas são os fatos, que não escondem os problemas socioambientais vinculados à atividade. Uma dessas chagas atende pelo nome de Projeto Agrícola Campos Lindos, no Nordeste do Tocantins, a 491 km da capital Palmas (TO).
O empreendimento, que este ano completou uma década e exporta milhares de toneladas do grão todos os anos, é resultado de dois contestados processos de "titulação" pública, não teve licença ambiental para se instalar, foi palco de trabalho escravo e desalojou famílias tradicionais que hoje padecem com índices vergonhosos de pobreza.

Um comentário:

Walter Hauer disse...

Aqui no Paraná, a região mais preservada paga a Chevron, American Eletric Power,Texaco e GM, para preservar o eco latifúndio comprado barato depois que os eco decretos-lei, anularam os direitos fundamentais dos brasileiros que preservaram por gerações. O IDH é apenas a metade dos vizinhos. Veja no blog mataalheiamamatanossa.blogspot.com.