quinta-feira, 17 de junho de 2010

Militares argentinos vão a julgamento por crimes da ditadura

Militares argentinos vão a julgamento por crimes da ditadura
BUENOS AIRES - Vinte e um militares argentinos irão a julgamento por crimes de lesa humanidade contra 528 vítimas na prisão da ESMA durante a ditadura (1976/83), afirmaram fontes judiciais nesta quarta-feira.
As autoridades fixarão agora uma data para o julgamento.
Os 21 ex-membros da Marinha foram acusados pelo juiz federal Sergio Torres, responsável pelo chamado 'megaprocesso' da ESMA (Escola de Mecânica da Armada).
Uma primeira parte destes processos já está na etapa de julgamento nos tribunais de Buenos Aires.
Fonte: Agência AFP/Via Twitter 
Leia mais no JB Online

Nenhum comentário: