quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Mais um movimento contra os crimes ambientais olimpicos

Mais um movimento contra os crimes ambientais olimpicos
Ambientalistas, sociedade civil e representantes do movimento “Salve a Reserva” estiveram presentes na manhã de hoje (24/11/12) em frente a “antiga” Área de Preservação Ambiental (APA) de Marapendi, hoje canteiro de obras do hotel Grand Hyatt Rio.
O Ambietalistas em Rede esteve presente no movimento que reuniu muitos jovens cariocas.
Podemos acompanhar que o movimento teve constante preocupação em ser pacífico a fim de evitar os incidentes do ultimo sábado.
(leia mais em http://ambientalistasemrede.wordpress.com/2012/11/19/policia-usa-spray-de-pimenta-para-conter-protesto-contra-resort-no-rio/).
Os ambientalistas presentes exibiram faixas contrárias ao empreendimento e citaram diversas vezes o nome do prefeito Eduardo Paes em cartazes e gritos, além disso, cinquenta cruzes pintadas de verde, que representavam a morte da natureza, foram fincadas na areia.
Um abaixo assinado, que será apresentado ao Ministério Público, foi iniciado durante a manifestação para que as obras sejam paralisadas.
Vale ressaltar que este projeto está incluso na APA Marapendi, porém em 2005 foi aprovado um projeto de lei na Câmara dos Vereadores que dobrou o espaço para edificações.
O grupo Salve a Reserva pretende transformar o local numa Área de Proteção Permanente.
Fonte: REDE Os Verdes/Via Facebook

Nenhum comentário: