sexta-feira, 11 de junho de 2010

Vazamento de petróleo no Golfo do México: Um convite à reflexão

Uma vista aérea do óleo vazaram do poço em águas profundas
REUTERS/Daniel Beltrá 
Vazamento de petróleo no Golfo do México: Um convite à reflexão 
No último dia 20 de Abril, na costa do estado norte americano de Lousiana, a torre de perfuração de petróleo Deepwater Horizon operada pela multinacional britânica British Petroleum (BP), explodiu e pegou fogo. 
No incidente morreram 11 funcionários da empresa e 17 estão gravemente feridos. Dois dias depois, a plataforma afundou e se transformou em um dos maiores acidentes ecológicos do planeta. A instalação está quebrada e até hoje já se passou mais de um mês que o poço encontra-se aberto a uma profundidade de 1,5 km, despejando diariamente perto de 5.000 barris ou 800 mil litros de petróleo no mar. Evidente que uma instalação deste porte tem uma série de dispositivos de segurança, mas todos falharam e a desgraça está feita. Apesar de todos os esforços para deter o vazamento, ele continua desafiando toda a tecnologia da indústria petrolífera.
Leia mais no Blog do CEA

Nenhum comentário: