quinta-feira, 19 de julho de 2012

Área que servia para deposição de lixo está com novo aspecto

Área que servia para deposição de lixo está com novo aspecto 
Acácias, arbustos, ervas, capim, flores além de pássaros de diversas espécies compõem a nova paisagem de uma antiga área de três hectares, que recebeu até o ano de 2005, lixos domésticos no município de Sentinela do Sul. 
Na localidade do Bom Recreio, distante cinco quilômetros da cidade, a área agora está revitalizada e completamente inserida ao seu ecossistema, abriga aves e diversas outras espécies vivas da fauna brasileira. 
Satisfeito pelos resultados, o prefeito Marcus Vinicius Vieira de Almeida, disse que a recuperação do local respeitou todas as exigências legais bem como obteve o aval do Ministério Público (MP).
Hoje, no município, são coletadas cerca de 10 toneladas diárias de resíduos, conforme dados da divisão do Meio Ambiente. Almeida destaca que desde o encerramento da deposição de lixo no ano de 2005 até julho de 2012, o Poder Público já aplicou na coleta, transporte e destino final terceirizado recursos na ordem de R$ 850 mil; levando em consideração os investimentos em limpeza urbana com equipes terceirizadas para varrição de ruas, capina, podas e outros serviços que somaram cerca de R$ 200 mil, os investimentos em saneamento ambiental superam nestes oito anos a marca de R$ 1 Milhão de Reais. 
“Vemos como maior vantagem em nossa ação o respeito às questões ambientais, não gerando danos à natureza, como ocorrida anteriormente”, afirmou o prefeito. Uma área semelhante, porém em outro local, mas na mesma localidade chegou a ser adquirida pelo Governo Municipal no ano de 2002 visando postar o lixo, contudo, o projeto não prosperou.
O prefeito Marcus Vinicius acrescentou que estará, após aprovação da Câmara de Vereadores, submetendo à venda por meio de leilão a área adquirida que está sem uso. Os valores oriundos da alienação deste imóvel serão destinados às secretarias da saúde e do meio ambiente.
Fonte: REDE Os Verdes/via e-mail

Nenhum comentário: