domingo, 13 de junho de 2010

Mudança na lei florestal permite ao agronegócio desmatar ainda mais

 Mudança na lei florestal permite ao agronegócio desmatar ainda mais
“Aldo Rebelo cria falsa polarização entre progresso nacional e intervencionismo estrangeiro”, critica Frei Sérgio
Por Eduardo Sales de Lima
O deputado federal Aldo Rebelo (PC do B) entregou, no dia 8 de junho, o relatório final com propostas de mudanças no Código Florestal Brasileiro.
ONGs ambientalistas e organizações sociais camponesas, entretanto, criticam-no por ter encampado as pautas do setor ruralista do Congresso Nacional.
A visão de grande parte dos movimentos, dentre eles a Via Campesina, é a de que, com a aprovação do novo código, o agronegócio consolidará áreas já desmatadas em reservas legais e áreas de proteção permanente (APPs) e, assim, ficarão perdoados grandes produtores rurais que cometeram infrações ambientais.
Leia mais em Brasil de Fato

Nenhum comentário: