quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Era uma vez a RPPN

Imagens: Norberto Hess/Instituto Água Boa - Maruá

Desmatada da RPPN para a instalação de linhas de transmissão de energia
Era uma vez a RPPN

Na última quarta-feira (12/08), Norberto Hess, ex-secretário do Meio Ambiente da cidade baiana de Maruá e dono de duas Reservas Particulares do Patrimônio Natural (RPPN) no mesmo município, entrou na frente do trator da Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) para tentar impedir que a máquina derrubasse irregularmente uma porção de floresta em sua propriedade. A ação não agradou a empresa. Hess foi algemado e levado à delegacia por desacato à autoridade. Permaneceu por cerca de três horas sob poder dos policiais e só foi liberado após intervenção do Ministério Público Estadual. Ao sair da delegacia, recebeu um aviso: se a cena se repetisse, iria realmente para trás das grades.Água Boa, onde se localizam as reservas Juerana e Sapucaia (BA)

O que aconteceu com Hess foi apenas o desfecho de uma história que começou em 2006, quando a Coelba comunicou-lhe que uma linha de transmissão de energia cortaria sua propriedade e que, para isso, seria necessário desmatar uma faixa de 15 metros. Hess não concordou com o desmate, a menos que ele fosse autorizado pelo órgão ambiental competente. A negociação durou mais de dois anos. Neste período, o proprietário sugeriu à empresa de energia caminhos alternativos para a linha de transmissão nos quais não seria necessário o desmate, mas nenhuma proposta foi aceita. “Acho que aumentar em três ou quatro quilômetros a linha para contornar a RPPN não era muita coisa para eles”, diz o proprietário. Leia a matéria completa no Portal do Meio Ambiente

Um comentário:

Judite Pitta disse...

Olá, venho agradecer a vossa visita ao meu blog e também as vossas palavras pois é sempre bom "ouvir" ou neste caso ler elogios ao nosso trabalho.
Também fiquei fâ do vosso movimento pois tem que se fazer algo para mudar este Mundo em que estamos nos transformando. Força, amigos! Ah e podem pôr o link do meu blog, claro, sem problema- Um abração aqui de Portugal