segunda-feira, 25 de julho de 2011

Forças de Ocupação Israelenses removem 100 árvores de Oliveira com mais de 100 anos

 Força de Ocupação Israelense removem 100 árvores de Oliveira com mais de 100 anos
De Ramallah - ASHA 
Desde quinta feira (21/07), foram desenraizadas por forças de ocupação israelenses, 100 oliveiras, a noroeste de Jerusalém, e transportadas em caminhões para um destino desconhecido. 
Um funcionário do Fatah Nabil Hbabh, diz que o exército de ocupação roubou as oliveiras com mais de cem anos para uma área desconhecida, sendo transportadas em grandes caminhões, que aguardavam no local. 
Hbabh diz que o exército de ocupação se estabeleceria no local após a erradicação de árvores, enquanto continuam as operações de nivelamento nas proximidades da região sob o pretexto de cavarem poços de perfuração de águas e construirem um muro separando Ramot e Exabytes House, a fim de apertar o cerco sobre a aldeia. 
Ele disse que os soldados israelenses prenderam durante a operação na vila, um estudante universitário quando este tentou protestar contra as escavadeiras israelenses que desenraizaram 42 oliveiras pertencentes a sua família e uma das principais fontes de sustento para eles. 
Também atacou soldados israelenses, que espancaram palestinos no local e tentou impedir que tratores de continuarem seu trabalho no desenraizamento de suas árvores. 
Fonte: Rede Os Verdes/via Facebook
Fonte Original: ShoroukNews

Nenhum comentário: